Enquanto há quem já saiba o nome que daria aos filhos antes mesmo de tê-los, muitas mães e pais se perdem nesse momento, que sem dúvida, é um dos mais importantes durante a gestação. Mas a propósito, entre infinitas possibilidades, qual seria o melhor nome?

Especialista apontam que um bom nome para o seu bebê é aquele de fácil escrita e pronúncia, e é claro que os pais desejam, principalmente, o bem-estar da criança, o que torna esse fator ainda mais importante. Para isso, separamos algumas dicas e pontos que devem ser considerados e que podem ajudar na escolha do nome ideal do bebê.

 

Pesquise o significado do nome

A maioria, se não todos os nomes, carregam um significado. Alguns pais acreditam que o nome escolhido tem o poder de servir como um amuleto de sorte ou mesmo definir a personalidade do bebê. Portanto, mesmo que você não acredite nessa teoria, vale a pena pesquisar o significado do nome escolhido.

 

Se atente ao estrangeirismo

É muito comum surgirem ondas de inspirações de nomes com origem estrangeira, o que resulta em nomes impronunciáveis e difíceis de serem escritos. Portanto é valido ficar atento a moda dos estrangeirismos, sendo valido pensar na dificuldade que seu filho terá no futuro de aprender a escrever ou pronunciar o próprio nome, além das inconveniências de sempre ter que fazer correções por causa da escrita incorreta de outras pessoas.

 

Cuidado ao inventar nomes

Muitos pais gostam de originalidade e aproveitam desse momento para apostar na criatividade, que é sempre bem-vinda. Mas existe uma linha tênue que separa o original e bonito do estranho e constrangedor.

É considerável pensar que seu filho irá carregar o nome por toda sua vida, então será que um nome exótico ainda irá ser de bom agrado daqui a 30 ou 40 anos?

 

Escreva e pronuncie o nome e sobrenome em voz alta

O nome escolhido talvez seja lindo, mas quando pronunciado em voz alta e combinado ao sobrenome o conjunto pode não soar tão bem quanto se é esperado.

Embora simples, esse exercício de dizer em alta voz o nome completo que deseja dar ao seu bebê é muito interessante. Repare bem na pronúncia e na combinação, pois normalmente nomes mais compridos tendem a combinar com sobrenomes mais curtos, e assim vice-versa.

 

Avalie bem a escolha do nome como ato de homenagem

O nome de um bebê também pode ser oportunidade dos pais em prestarem homenagens, por exemplo, á religião, tradição familiar (Júnior, Neto e Filho) ou mesmo a pessoas conhecidas.

Não esqueça também que o nome é uma marca de individualidade única do seu bebê.

 

Considere sempre os possíveis apelidos

Em nosso País, é muito comum o uso de diminutivo no nome das pessoas ou mesmo os chamados “apelidos”. Se você optou por um nome muito longo ou de difícil pronúncia é bem possível que seu filho receberá um apelido por isso. Portanto, todo cuidado é pouco para evitar possíveis constrangimentos futuros.